A INCM sempre abraçou a promoção da igualdade entre mulheres e homens, como um desafio à sua modernização e adaptação às mudanças que, ao longo do tempo, as diferentes conjunturas impõem e vão requerendo.

O final do século XIX registou a admissão das primeiras mulheres para a Casa da Moeda e para a Imprensa Nacional. Hoje, na INCM verifica-se um equilíbrio entre o número de trabalhadoras e de trabalhadores, existindo mulheres em todas as hierarquias e contemplando níveis iniciais, chefias intermédias, diretoras e conselho de administração.

O Dia da Igualdade de Género na INCMé celebrado todos os anos a 1 de junho, assinalando a contratação, a 1 de junho de 1895, de Etelvina Adelaide Conceição e Silva, a primeira trabalhadora da Casa da Moeda e que foi desempenhar tarefas nas oficinas de picotagem e papel selado.

O envolvimento da INCM no tema da igualdade de género tem levado à sua participação em fóruns empresariais, incluindo o iGen, bem como a adoção de medidas que potenciam a igualdade de oportunidades no trabalho, a que se juntam boas práticas que melhoram a conciliação entre a vida pessoal e profissional.

O Plano para a Igualdade de Género para o ano de 2021, aprovado em setembro de 2020, foi construído com base nas matrizes do Guião disponibilizado pela Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego (CITE), e integra as dimensões consideradas centrais ao tema da igualdade:

  • Estratégia, dimensão e valores;
  • Igualdade no acesso a emprego;
  • Formação inicial e contínua;
  • Igualdade nas condições de trabalho;
  • Proteção na parentalidade;
  • Conciliação da atividade profissional com a vida familiar e pessoal; e
  • Prevenção da prática de assédio no trabalho.

"[...] a igualdade de género só se pode atingir com intervenções dirigidas também a homens, criando instrumentos e atitudes que atuem sobre os elementos que mantêm as assimetrias. O princípio da igualdade entre homens e mulheres implica a indispensabilidade de compensar a desvantagem das mulheres no que se refere às condições de acesso e participação no mercado de trabalho e a desvantagem dos homens no que se refere às condições de participação na vida familiar.

Queremos que a igualdade de género seja alcançada promovendo uma cultura empresarial que define um papel social único, independentemente do género, levando a cabo iniciativas que possibilitem o desenvolvimento do bem-estar institucional, familiar e pessoal."

Dora Moita, Presidente do Comité de Igualdade de Género, in Plano de Igualdade de Género 2021

Todas as questões, denúncias ou pedidos de esclarecimento relacionados com o Plano para a Igualdade de Género devem ser comunicados para o e-mail: igualdade@incm.pt